19-01-00
Because
Eles estão soltando balões no céu. Dá para acreditar? Balões japoneses são um símbolo de desapegar do passado. Aqui está a novidade, nós não somos japoneses. Você sabe o que eles são? Crianças. Como se soltar balão fosse fazer tudo ficar bem, ou até rezar, ou fingir que a Elena não vai acabar como o resto de nós, vampiros assassinos. Crianças idiotas, iludidas e irritantes. Eu sei o que vai dizer. “Isso os fazem se sentir melhor, Damon.” E dai? Por quanto tempo? Um minuto? Um dia? Que diferença faz? Porque no fim, quando você perde alguém, cada vela, cada oração não vai mudar o fato de que a unica coisa que sobrou é um buraco na sua vida, onde alguém que você se importou costumava estar. E uma pedra. Com o nascimento cravado nela que eu aposto estar errado. Obrigado, Amigo. Obrigado por me deixar aqui de babá. Porque eu deveria estar longe daqui agora. Eu não fiquei com a garota. Lembra? Estou só preso aqui brigando com o meu irmão, e cuidando das crianças. Você me deve uma.
Damon Salvatore.   (via ireverente)
Eles estão soltando balões no céu. Dá para acreditar? Balões japoneses são um símbolo de desapegar do passado. Aqui está a novidade, nós não somos japoneses. Você sabe o que eles são? Crianças. Como se soltar balão fosse fazer tudo ficar bem, ou até rezar, ou fingir que a Elena não vai acabar como o resto de nós, vampiros assassinos. Crianças idiotas, iludidas e irritantes. Eu sei o que vai dizer. “Isso os fazem se sentir melhor, Damon.” E dai? Por quanto tempo? Um minuto? Um dia? Que diferença faz? Porque no fim, quando você perde alguém, cada vela, cada oração não vai mudar o fato de que a unica coisa que sobrou é um buraco na sua vida, onde alguém que você se importou costumava estar. E uma pedra. Com o nascimento cravado nela que eu aposto estar errado. Obrigado, Amigo. Obrigado por me deixar aqui de babá. Porque eu deveria estar longe daqui agora. Eu não fiquei com a garota. Lembra? Estou só preso aqui brigando com o meu irmão, e cuidando das crianças. Você me deve uma.
Damon Salvatore.   (via ireverente)
Tente. Sei lá, tem sempre um pôr-do-sol esperando para ser visto, uma árvore, um pássaro, um rio, uma nuvem. Pelo menos sorria, procure sentir amor. Imagine. Invente. Sonhe. Voe.
Caio Fernando Abreu.  (via relevoar)